COMPETITIVA 

• BRASIL #5 •

ONDE-A-FÉ-TEM-NOS-LEVADO-1920x1080.jpg
SERGIPE, 2020, 18’

ONDE A FÉ TEM NOS LEVADO

-

de Neto Astério

Dois universos convivem em Onde a fé tem nos levado: uma andarilha e um grupo de amigues caminham pela cidade se misturando com o espaço, com a água, com a terra, a chuva. O mergulho, a prece, a dança, o poema, o querer-se vivo. O filme parece lançar uma mirada singular para a vida, para a pulsão de viver, de um jeito simples como quem abre uma cerveja, como quem grita no meio da rua que tem sede. Como diz o verso da canção: “A fé que existe em mim, leva o nome de coragem.”

(Alessandra Brito)

AINDA-TE-AMO-DEMAIS-1920x10803.jpg
ALAGOAS, 2020, 21’

AINDA TE AMO DEMAIS

-

de Flávia Correia

um desejo de reencontro movido pelo som, mas tem de ter corpo mole.

(Rita Vênus)

NUNCA-PARE-NA-PISTA-1920x10802.jpg
BAHIA, 2021, 19’

NUNCA PARE NA PISTA

-

de Thamires Vieira

O filme se constrói em torno dos sonhos/desejos de duas mulheres. Thamires quer fazer seu filme e Amanda quer cantar profissionalmente. Momentos de performance musical se intercalam com a presença da realizadora em cena, em um desenho equilibrado de ternura e tensão. O curta nos brinda com a justa medida da coragem na busca que essas mulheres empreendem.

(Alessandra Brito)

FAÇO-MINHAS-LINHAS-1920x10802.jpg
PARANÁ, 2021, 26’

FAÇO MINHAS LINHAS

-

de Camila Macedo, Jessica Candal, Mano Jhow, Evandro Kbu

Neste filme, o traçado do pixo é mostrado em sua espessura de resistência: rotas, labor, poéticas e matéria combativa que vivifica a escrita. Tendo por título a música do protagonista, Mano Jhow, o curta articula múltiplas estratégias narrativas junto a uma pluralidade de vozes, sublinhando assim o ponto cantado na Fonte da Memória: “A raiz negra de Curitiba é forte e muito antiga.” Quase que totalmente noturno,  vemos aqui o recorte de uma cena do rap, alinhavando rima e luta.

(Fabio Rodrigues Filho)

COMPETITIVA BRASIL #5
BRA 5 | 84' | 12 ANOS

EXIBIÇÃO ON-LINE

11 de novembro (20h) a 13 de novembro (20h)
cineHumbertoMauro/MAIS

EXIBIÇÃO PRESENCIAL

13 de novembro (18h)
Cine Humberto Mauro - Palácio das Artes

A distribuição dos ingressos se inicia sempre às 12h na bilheteria do Cine Humberto Mauro. É permitida a retirada dos ingressos para todas as sessões do dia, limitado a um ingresso por pessoa/sessão.

PROGRAMA #1
67' | LIVRE
PROGRAMA #2
63' | 16 ANOS
PROGRAMA #3
54' | 12 ANOS
PROGRAMA #4
54' | 12 ANOS